Baropodometria

AVALIAÇÃO DA PRESSÃO OU DA DISTRIBUIÇÃO DO PESO

O Baropodômetro Eletrônico é um equipamento de tecnologia francesa desenvolvido para avaliação da pressão ou da distribuição do peso exercida pelos pés nas posições estática e dinâmica, como também os desequilíbrios corporais que possam estar presentes nos indivíduos.

Também pode ser um método de diagnóstico para complementar as observações e evoluções clínicas, proporcionando ao paciente uma análise mais compreensível e precisa de seu tratamento.

Consiste de uma plataforma sensível a pressão com sensores piezoelétricos com a mais alta concepção de tecnologia, conectado a um computador o qual utiliza um software apropriado para visualizar imagens coloridas e dados estatísticos, com um alto valor diagnóstico. Identifica desequilíbrios diretos ou indiretos que proporcionam ao indivíduo uma instabilidade corpórea, que mais tarde serão impressas sob a forma de gráficos ou planilhas.

No exame são avaliados os seguintes parâmetros:

  • A postura do paciente na posição estática, ou seja, em pé parado
  • Disfunções funcionais de equilíbrio e estabilidade
  • Divisão das cargas corporais em condições ortostáticas
  • Análise dinâmica da marcha e sua distribuição da cargas durante o passo
  • Pico de pressão e tempo de contato com o solo
  • Detecção das áreas de risco do pé
  • Auxílio na confecção de órteses plantares/palmilhas
  • Detecção de alterações biomecânicas do pé, pelve e coluna
  • Diferença de comprimento dos membros inferiores

Com esse método é possível identificar na pisada, desequilíbrios que necessitem de compensação ou de proteção, assim como detectar, na marcha, alterações que sejam passíveis de correção por meio de exercícios específicos.

As alterações nos padrões posturais observadas no exame de Baropodometria podem desencadear dores na região lombar, quadril, joelho, tornozelo e pé, alterações mecânicas (pés planos e cavos), calcâneo varo e valgo, joanetes, espondilolistese, dores na planta dos pés, artroses, esporão de calcâneo, tendinites (patelar, de calcâneo).

Com esse método é possível identificar na pisada, desequilíbrios que necessitem de compensação ou de proteção, assim como detectar, na marcha, alterações que sejam passíveis de correção por meio de exercícios específicos. As alterações nos padrões posturais observadas no exame de Baropodometria podem desencadear dores na região lombar, quadril, joelho, tornozelo e pé, alterações mecânicas (pés planos e cavos), calcâneo varo e valgo, joanetes, espondilolistese, dores na planta dos pés, artroses, esporão de calcâneo, tendinites (patelar, de calcâneo), escolioses.

A Baropodometria é indicada para atletas, crianças, jovens, adultos e idosos, como forma de tratamento e prevenção.

 

+ especialidades